POR QUE ME MIRAS ASÍ? AUTODIDACTA

Por que me olhas assim?

Com este olhar desafiador

Se sou eu na verdade

Quem te desafia

O Tempo Todo,

Ó Faca Cortante!

Professora,

Inverte Teu Lugar,

Torna-te Aluna!

Sendo alguém sem dó

Não desmereço o ofício de ensinar

Foi-se o tempo, eu sei

Das aulas de Literatura

Mas trago ainda alojadas no peito

Muitas Cantigas, Sonetos,

Roncos e Canções

Só sei que Gênio Precoce

É o Primeiro a deitar

A se trancar

No Mausoléu da História

Com a chave do lado de fora

Eu respeitei o signo da tardança

Ignorei o livro didático,

Argh! Sou péssimo gramático

E a despeito do ofício burocrático

Me alenta das infinitas e ensolaradas tardes

A Temperança

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s